Informações Prevenção

Os Suplementos Alimentares e o Doping no esporte

Algumas perguntas frequentes no meio do esporte amador e profissional são: “eu necessito utilizar suplementos alimentares?”; “Quais suplementos eu posso utilizar?”; “Há algum suplemento seguro para ser utilizado no esporte de alto rendimento?”.

Muitos atletas acreditam que os suplementos alimentares são absolutamente necessários para atingir o máximo de suas capacidades físicas durante os treinamentos ou competição e também acreditam que os suplementos alimentares tenham a mesma importância que o treinamento que realizam ou a alimentação que fazem diariamente.

Frequentemente, a decisão por utilizar suplementos alimentares vem como resultado da pressão de colegas de treinamento, treinadores, amigos, parentes ou outras pessoas em contato com o atleta.

A nutrição é parte fundamental do rendimento esportivo do atleta. Assim como se planejam os períodos de treinamento, o atleta deveria considerar a importância do planejamento alimentar. Uma alimentação correta para o treinamento programado, certamente aumentará seu rendimento esportivo.

O uso de substâncias proibidas para se melhorar artificialmente o desempenho esportivo é manchete frequente no meio do esporte. Além de proporcionar vantagem desleal de um competidor sobre os demais, ainda podem colocar em risco a saúde e a segurança do atleta, seja ele profissional ou amador.

Os suplementos alimentares podem representar fonte de substâncias perigosas à saúde ou proibidas no meio do esporte pelas regras da Agência Mundial Antidoping (WADA). Atualmente, o número de suplementos alimentares no mercado mundial supera 75.000 produtos e cresce a cada dia.

Os sinais de alerta para a presença de substâncias perigosas à saúde ou proibidas (regras da WADA) nos suplementos alimentares são:

– Contém ingredientes fitoterápicos
– Contêm ingredientes que você não reconhece ou escritos em línguas desconhecida
– Contêm ingredientes patenteados pela própria empresa
– Contêm ingredientes que terminam com -ol, -diol,-stene ou ingredientes que contem números
– Lista muito longa de ingredientes
– Intitula-se uma “prescrição alternativa de medicamentos”
– Intitula-se segura: “tem sido utilizada por centenas de anos”, “produto milenar”, “substância tradicional”
– Intitula-se como: “a mais nova descoberta científica”, “fórmula secreta”, “… seu dinheiro de volta…”
– Descreve ser capaz de tratar doenças como câncer, obesidade, etc…
– Intitula-se um suplemento que “constrói músculos”, “ganha ou perde peso”, “estimula a função sexual”, “suplementos energéticos”, “reduz a fadiga”, “melhora a performance”

é importante que o atleta esteja sempre atento a tudo o que consome. O atleta é totalmente responsável por quaisquer substâncias encontradas em seu organismo. Bons treinos!

Dr. Cristiano Frota de Souza Laurino
Mestre e especialista em Cirurgia do Joelho e Artroscopia pela UNIFeSP
Diretor Científico da Sociedade Brasileira de Artroscopia e Traumatologia do esporte (SBRATE)
Ortopedista do Clube de Atletismo BM&F/BOVeSPA
Diretor Médico da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT)